Qual a utilidade do mercado financeiro?

Sua função é possibilitar o intercâmbio de recursos entre os diversos agentes econômicos, a saber, pessoas, empresas e governos.

Cada um desses agentes têm carências diferentes e os mecanismos financeiros permitem a troca de recursos, para atenderem as necessidades de cada um.

Enquanto alguns tem excesso de dinheiro estocado, outros tem falta e o mercado financeiro nada mais é do que a ponte entre essas duas realidades.

Suponhamos que uma empresa necessite expandir e não quer ou não pode utilizar seu próprio caixa para dar início a essa expansão. Ela pode ir ao mercado financeiro e captar os recursos necessários, seja através da emissão de ações, títulos, ou fazendo empréstimo.

O mercado financeiro pode ser dividido em quatro grandes mercados:

Mercado de capitais: é um meio de distribuição de valores mobiliários, que tem o objetivo de gerar liquidez aos títulos emitidos pelas empresas e viabilizar o seu processo de capitalização. Isto quer dizer que o objetivo é direcionar os recursos financeiros da sociedade para o comércio, a indústria e outras atividades econômicas, assim remunerando melhor o investidor. Fazem parte desta área a compra e a venda de ações, debêntures, etc.;

Mercado de crédito: atuam neste segmento diversas instituições financeiras e não financeiras prestando serviços de intermediação de recursos de curto, médio e longo prazo para agentes deficitários que necessitam de recursos para consumo ou capital de giro. É o segmento onde ocorrem operações de empréstimo, arrendamento, financiamento, etc.;

Mercado de câmbio: é onde são negociadas as trocas de moedas estrangeiras (dólar, euro, yuan, etc.).

Mercado monetário: é o mercado onde se concentram as operações para controle da oferta de moeda e das taxas de juros de curto e curtíssimo prazo com vistas a garantir a liquidez da economia. Abrange toda a rede de entidades ou órgãos financeiros que negociam títulos ou valores, concedendo empréstimos a empresas ou particulares a curto prazo, em troca do pagamento de juros.  

Gostou? Compartilhe aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *